Você está em: Principal → Mídia → Notícias

notícias

06 de janeiro de 2014

Verão exige cuidados especiais com a saúde

Queimaduras, desidratação, micoses, intoxicação alimentar, dengue e aumento da pressão arterial são alguns dos males que podem acometer as pessoas por conta das altas temperaturas no Rio de Janeiro.

A principal orientação dos especialistas é o uso do filtro solar diariamente, mas este não é o único cuidado que as pessoas precisam ter. Entre as causas que mais levam pessoas às unidades de saúde nesta época estão queimaduras, insolação, desidratação, micoses, intoxicação alimentar e dengue. São cuidados simples que podem garantir o bem-estar. O excesso de exposição ao sol é a principal causa da desidratação, caracterizada pela perda excessiva de líquido, queimaduras, que podem causar lesões na pele que vão desde uma vermelhidão até a formação de bolhas, e insolação, que é o aumento excessivo da temperatura do corpo.Entre os cuidados que as pessoas precisam ter para evitar estes problemas estão ingerir bastante líquido, uso diário de filtro solar e evitar a exposição excessiva ao sol no período entre 10h e 16h. É importante lembrar que a exposição ao sol é um dos fatores de risco para que se desenvolva o câncer de pele.

Intoxicação alimentar - É comum durante o verão o registro nas unidades de saúde de aumento no número de casos de intoxicação alimentar. Isso acontece porque o calor faz com que os alimentos se deteriorem mais rapidamente. Por isso, é necessário estar atento para não deixar comida fora da geladeira. Outro cuidado é com o transporte de alimentos, que deve ser feito em bolsas térmicas com gelo.

Micoses - Casos de micose também são recorrentes nesta época. Isso porque o calor e a umidade da pele estimulam a proliferação de bactérias. Entre as áreas do corpo em que isso é mais comum estão virilha, dobra dos seios e dos pés. A medida para evitar a micose é manter essas regiões sempre bem secas.

Dengue – A junção da água parada com o calor é o cenário ideal para a proliferação do mosquito da dengue. Por isso, todos os anos há um aumento considerável no número de pessoas que adoecem após serem picadas pelo mosquito Aedes aegypti neste período. A principal medida que a população precisa adotar é evitar focos do mosquito presentes em copos plásticos com água, pneus, vasos de planta, piscina descoberta, entre outros. Mas, uma vez que a pessoa apresente sintomas como febre, dor no corpo e de cabeça, manchas vermelhas, dor atrás dos olhos, ela deve procurar imediatamente a unidade de saúde mais próxima da sua casa. O tratamento é feito por meio de hidratação e acompanhamento médico regular.

Pressão arterial - As temperaturas elevadas provocam variações dentro do corpo, principalmente quando se trata da pressão arterial. Desmaio, cansaço, vista embaçada podem ser sintomas de que algo está fora do normal. Uma pessoa adulta pode evaporar mais do que dois litros de sua reserva de água em 24 horas. É por isso que os especialistas recomendam que as pessoas bebam, no mínimo, dois litros de água por dia.

nossas unidades

UPA Nova Serrana


Hospital de clinicas sul - São José dos Campos

Hospital de Clinicas Sul
São José dos Campos

Upa Norte Betim

UPA Norte Betim