Você está em: Principal → Mídia → Notícias

notícias

02 de fevereiro de 2016

Hospital Albert Schweitzer inaugura refeitório climatizado

Os profissionais do Hospital Albert Schweitzer, em Realengo, acabam de ganhar um novo refeitório. Construído no prédio principal da unidade, o espaço de 220 metros quadrados tem capacidade para servir 600 pessoas por refeição (café da manhã, almoço, lanche da tarde e jantar) e funciona das 6h às 22h em ambiente climatizado. A iniciativa integra uma série de medidas da prefeitura do Rio voltadas para melhorar as condições de trabalho dos funcionários e humanizar o atendimento a pacientes e visitantes da unidade, recentemente municipalizada. A unidade é gerida, por meio de contrato, pela Organização Social de Saúde Hospital Maternidade Therezinha de Jesus (OSS HMTJ).

- A preocupação da prefeitura é garantir o conforto dos servidores, dos funcionários terceirizados e dos acompanhantes de pacientes internados. Esse ambiente saudável, limpo, claro e climatizado permite que a hora do almoço seja um momento de confraternização - disse o secretário executivo de Coordenação de Governo, Pedro Paulo.

O novo refeitório atende às normas sanitárias da legislação vigente, evitando riscos a pacientes e funcionários. Com seis pias, bancada para café, bebedouros, lixeiras, bancada self-service, máquina de suco, freezer e janela para devolução da bandeja, o espaço mantém boa área de circulação, com portas de entrada e saída. Vasos de flores sobre as mesas, cartazes com dicas de alimentação saudável e quadro de avisos completam a harmonia do ambiente.

O Hospital Albert Schweitzer está sob a responsabilidade da administração municipal desde o dia 7 de janeiro. A unidade ganhou também uma nova sala de espera para familiares. No mesmo dia que assumiu a gestão do hospital, a prefeitura iniciou as obras de melhoria nas ruas do entorno. Entre as principais intervenções realizadas estão a retirada das grades externa e interna, recapeamento asfáltico e poda de árvores. Também está em execução a obra de canalização do Rio Marinho, ao lado do hospital.

Há oito anos trabalhando no hospital, a técnica de enfermagem Rosilene Leite de Albuquerque comparou o novo com o antigo refeitório, localizado no prédio anexo, que não tinha abrigo contra o sol e a chuva para quem estava na fila de atendimento:

- Não há como negar que melhorou muito. Ficamos livres do pesadelo do sol forte e da chuva numa estrutura muito precária e viemos para um ambiente agradável. Sem falar que para os funcionários melhorou o acesso, já que não precisamos nos deslocar tanto como fazíamos. Não há quem não goste de ser bem tratado e isso, com certeza, vai influenciar até no trabalho.

O hospital realiza aproximadamente 10.500 atendimentos por mês de urgência/emergência em clínica médica, cirurgia geral, ortopedia, pediatria e maternidade. A próxima ação será a recuperação do sistema de climatização da unidade, que será padronizado em todos os espaços. E já está em vigor o novo horário de visitação dos familiares, que, com exceção de setores como o CTI e a sala de hemodiálise, poderão passar o dia com os pacientes, das 11h às 20h. Anteriormente, os parentes dispunham de duas horas na parte da tarde. No prazo de 30 dias, a cozinha industrial será transferida do prédio anexo para o principal.

nossas unidades

UPA Nova Serrana


Hospital de clinicas sul - São José dos Campos

Hospital de Clinicas Sul
São José dos Campos

UPA JK Contagem